Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

culturaport

culturaport

Prontuário

Abaixo-assinado (abaixo-assinados)

abre-latas

acerca de

ACNUR - Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados

acórdão (de tribunal colectivo)

açoriano (açoreano, quando em nomes de empresas antigas, etc.)

ademais (= além disso)

aderência (= ligação, fixação)

adesão (=apoio, concordância)

aeroclube

aeroespacial

Afeganistão

afegão

a fim de (a fim de ele compreender e não a fim dele compreender)

afrikaner

afro-asiático

afro-luso-brasileiro

agro-pecuária

água-de-colónia

AIP - Associação Industrial Portuguesa

ajuizar

álbum (álbuns)

álcool

além-fronteiras

álibi (para outros, alibi)

alternativa (evitar a outra alternativa, a única alternativa)

alvíssaras

amém (variação de ámen; plural, ámens)

Amesterdão, Amsterdão

amor-perfeito

ancilose (contra anquilose, também presente; donde, ancilosado, anquilosado)

(o) aneurisma

a nível de (evitar: uma proposta a nível de governo, ou a nível governamental, pois basta uma proposta governamental)

antárctico, Antárctida

anteprojecto

antestreia

antiaéreo

anti-higiénico

ao contrário de (e não diferentemente)

ao deus-dará

aparte (teatral); à parte (= de parte)

apartheid

apelar (para)

apesar de (apesar de o avião subir e não apesar do avião subir)

à queima-roupa

arco-da-velha

arco-íris

arguido (não se é logo réu...)

arranha-céu (arranha-céus)

Árctico

ascensão

assassínio (já Camilo Castelo Branco criticava o galicismo assassinato)

assessor

assim-assim

assistir (o doente, ao filme)

atrair

audiovisual

Auschwitz

auto-retrato

autobomba

autocrítica

autotanque

aval (avales)

avalancha (e não avalanche)

Ayatollah

azo

 

Background

Bagdad, Bagdade

bairro da lata

(os) Balcãs

Banguecoque

barman

bebé

bem-aventurado

bem-disposto

bem-estar

bem-falante

bem-humorado

bem-vindo

bem-visto

bênção

bianual (duas vezes por ano)

bienal (de dois em dois anos)

bilião (forma da LUSA, em vez de mil milhões)

bimensal (duas vezes por mês)

bimestral (cada dois meses)

borda-d'água (bordas-d'água)

braço-de-ferro

bridge

bufete

bulir

busílis (= dificuldade)

bússola

 

Cabo-verdiano

cacha (notícia em primeira mão, em exclusivo)

cãibra

caixeiro-viajante

camoniano

campeão

cansaço

capazmente

capitânia (= nau em que vai o capitão)

cardeal (prelado, ave, planta)

cardial (ponto cardial)

carrocel (preferível a carrossel, como querem alguns prontuários)

cassete

castanho-escuro

catorze (e não quatorze)

censo (= recenseamento)

certame

cessação (= acto de cessar)

cetáceo

cetim

charivari

charlatão (charlatães, charlatões)

cheiinho, cheiíssimo

cheque (bancário)

ciclocrosse

cinquenta

circum-escolar

circum-navegação

clarabóia

cliché (para quê ‘cerimónia do acto de posse’ quando basta ‘posse’?)

co-autor

coacção

coarctar

cocktail

coeducação

COI - Comité Olímpico Internacional

colectânea

comboio

com certeza

computorizar

comummente

concelho

concessão (= permissão)

concessionário

conferência de Imprensa

congratular (alguém pela vitória; congratular-se com a vitória de alguém)

cônjuge

conselho

consenso

constar (das listas e não nas listas)

cônsul (cônsules)

conta-gotas

Continente (referindo-se a Portugal continental)

contorção

contra-ataque

contra-indicação

contra-senso

contrato (= convenção)

controlo

convencer-se (de que)

Copenhaga

copo-d'água

co-responsável

cor

cor-de-rosa

coro

corpo-a-corpo

correligionário

corrector (quem corrige); corretor (= agente da Bolsa)

corta-mato

coser (com agulha)

Costa do Marfim

cozer (= cozinhar)

críquete

cru

cujo (o dito cujo; atender ao seu bom emprego relativo: O senhor, cuja mulher morrera, etc., e não, como já se encontra, *cuja a mulher)

curta-metragem

 

De baixo (não há nada de baixo)

debaixo (debaixo de fogo)

decreto-lei (decretos-lei)

deferir (= despachar)

défice

de mais (tarde de mais)

demais (por demais cansado; demais a mais)

democrata-cristão

desequilíbrio

descrição

descriminar (tirar a culpa)

desinfecção

deslizar, deslize

despender (gastar; dispêndio, dispendioso)

desumano

desumidificar

dezoito

(a) diabetes

diferir (= adiar, demorar)

dinossauro (também dinossáurio)

direcção-geral, director-geral

discrição (modéstia, reserva)

discriminar (distinguir, separar)

díspar (díspares)

dispêndio (= consumo)

dispensa (= acto de dispensar; mas: a despensa da casa)

disquete

dissensão (= divergência)

doping

 

Ecléctico

ecrã

emergir (elevar-se, vir à tona)

eminente (uma personalidade eminente)

engolir

enseada

erupção

escárnio

esdrúxulo

esplêndido

espontâneo

espremer

esqui

esquisito

estada (= permanência) / estadia (tempo da escala de um navio no porto. Esta forma impôs-se em expressões como ter/desejar boa estadia)

Estado-membro

Estado-Providência 

Estaline

estático (= parado)

estratego

estrato (= camada)

estrela-do-mar

estrito

esverdeado

etc. (nunca e etc., pois este já significa et coetera)

euro [antes, ECU (European Currency Unit = Unidade de Conta Europeia; ECU's)]

ex aequo

extático (= arroubado, enlevado)

extensão

extrema-direita/esquerda

extravasar

 

fac-símile

farsa

fascínio

ferro-velho

fim-de-semana

finca-pé

fluido, fluidez

fogo-fátuo

franco-atirador

frenesi, frenesim

Frankfurt (Francoforte)

 

Gaffe

garante (quem garante)

garantia (aquilo que garante)

gato-pingado

Genebra

gimnodesportivo

gin, gim

ginja, ginjeira, ginjinha

gira-discos

governador-geral

Governo Regional

(um) grama

granjear (= conquistar, adquirir)

gueto (ou ghetto)

guarda-chuva (guarda-chuvas)

guarda-marinha (guardas-marinhas)

guarda-nocturno (guardas-nocturnos)

guarda-republicano (guardas-republicanos)

guarda-sol (guarda-sóis)

 

Habitat

Hanover, Hanôver

herege, heresia

hiperacidez, hiperácido

hipertensão

histórico-geográfico

Hiroxima

hobby (hobbies)

 

Ianque

iate

ibero-americano

iene

ilação (= conclusão)

imergir (mergulhar)

iminente (ameaça iminente, próxima)

impacto

incenso

inclusive

indiscreto, indiscrição

inelegível (= que não pode ser eleito)

inexacto

inflação

infligir (aplicar um castigo)

influir

infravermelho

infringir (desrespeitar)

inigualável

iniludível

insucesso

insurreição

intercontinental

interescolar

interestadual

interministerial

intitular

inumano

inverosímil, inverosimilhança

irrupção

 

jardim-escola

jipe

juiz, juíza

juízo

jusante; a jusante

 

Kuwait

kilowatt

 

Laser

lead

légua

ler (lêem)

líder

linguista, linguística

líquen (líquenes)

lobby (lobbies)

lua-de-mel (luas-de-mel)

 

Maciço (votação maciça e nunca massiva, pérfido galicismo)

Madrid

mais-que-perfeito

majestade, majestoso

mal-agradecido

mal-educado

mal-entendido

mal-humorado

mandado (judicial)

manjerico

marioneta

médico-cirurgião

Médio Oriente

meia-final (a primeira meia-final; meias-finais)

meio-corpo

meio-dia

meio-morta/viva

mesa-de-cabeceira

mesa-redonda

micro-ondas

mini-estádio (hífen, que a palavra começa por vogal)

minissaia (mini-saia também se emprega)

ministra, ministro

misto

moinho

morto-vivo

motobomba

motocrosse

musseque

 

Negociar (negoceio ou negocio)

neoclássico

Nova Iorque

nu

nuvem

 

Obcecado

obsessão

obstrução, obstruir

OCDE – Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico

oitavos de final

olisiponense

órfão (órfãos; feminino, órfã, órfãs)

órgão (órgãos)

outrem

 

PAC - Política Agrícola Comum

país-membro

paje, pajem

palmarés

PALOP - Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa

pão-de-leite

pão-de-ló

pára-quedas, pára-quedismo (ver abaixo, segundo o novo Acordo Ortográfico)

paramilitar

parêntese, parêntesis

partido-Estado

pátio

pé-de-dança

pé-de-meia

pé-descalço

pêlo (pélo, pélo-me, de pelar, pelar-se)

pelo sim, pelo não (escrevem outros pelo sim pelo não)

pequeno-almoço

pêra, pêro

perscrutação, perscrutar

peru

pintassilgo (mas Maria de Lurdes Pintasilgo)

piquenique

plâncton (plânctons; também plânctones)

plêiade (= conjunto de pessoas ilustres)

plurianual

polir

(a) pool

póquer

pôr-do-sol (pores-do-sol)

por que (= pelo/pela qual, pelos/pelas quais: por que motivo os portugueses choram assim?; por que [= por que coisa] luta Portugal em Angola?)

porque (final, causal: porque luta Portugal em Angola?; donde: porque é que...?)

porta-voz

pós-escolar

pós-graduação

pós-laboral

pouca-vergonha

pré-aviso

preceptor (= mestre, mentor)

pré-escolar

preexistente

preia-mar (praia-mar, preamar)

premiar (premeio melhor do que premio)

preservar, preservativo

Presidente da República

pretensão, pretensioso

Primeira Guerra Mundial

primeiro-ministro (a primeira-ministra)

pró-europeu

processo-crime (processos-crime)

procurador-geral

pronto-socorro

psicossocial

putsch

puzzle

 

Qualquer (quaisquer)

Quebeque

quebra-gelo

quilograma

quilómetro

quota-parte

 

Rabo-de-palha

radioactividade

râguebi

rainha

raiz

rali (ralis)

ratificar

Raul

Reboliço (= que rebola), rebuliço (= confusão)

recém-casado

recém-nascido

recém-vindo

recensão, recensear

recorde

rectificar

reestruturação

rendível

rentabilidade, rentável

repórter (repórteres)

rescindir

rescrever, rescrita (uso generalizado: reescrever, reescrita)

restauração [a evitar quando remete para restaurantes]

retaguarda

ringue

rinque

robô (robôs)

roda-viva

round (substituir por assalto, no boxe, ou ronda de conversações)

rouxinol (preferível a roussinol)

ruptura (melhor do que rotura)

 

Sala de jantar

sanção, sancionar

Sara (deserto)

secessão (= separação)

secretário-geral

segundogénito

sem-cerimónia

sem-número

sem-vergonha

sémen (sémenes)

semioficial

sérvio, servo-croata

(a) síndrome (também síndroma)

sobre-humano

[à] socapa

socioeconómico

sol-pôr, sol-posto

stock

subinspector

subsecretário

super-homem

superestrutura

supracitado

 

Tão-pouco (= também não)

tão-só, tão-somente

telespectador

ter de (preferível a Ter que, apesar do reforço que este oferece)

têxtil

tintim por tintim (para outros, tintim-por-tintim)

tio-avô (tios-avós)

trágico-marítimo

transatlântico

tuta-e-meia

 

Uísque

Ultimato, Ultimatum

ultra-rápido

ultramoderno

 

Vai-não-vai

vendável, vendível

ver (vêem)

verde-amarelado, verde-claro, verde-escuro

vice-reitor

vice-versa

vide

vídeo, vídeocassete

voo

 

Xeque

xeque (-mate)

 

Zãngão (zângãos, zãngões)

zé-ninguém

                                          

  1. d) Acordo ortográfico

       O Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa, assinado em Lisboa, em 16 de Dezembro de 1990, pelos responsáveis políticos dos sete países que falam Português, deveria ter entrado em vigor no dia 1 de Janeiro de 1994. Dada a necessária fase de adaptação dos escreventes e a importância que, neste domínio, vão ter jornais e revistas, registamos as grafias que mais polémicas, alertando, em especial, para algumas sequências consonânticas em perigo. Notar-se-á, em conformidade, que vários termos incluídos no Prontuário sofrerão ligeiras alterações. Não declaramos as alternativas brasileiras.

 

Ação

acionar

adoção

adotar

afetivo

agosto (os meses do ano em minúsculas)

agroindustrial

amnistia ou anistia

amnistiar ou anistiar

antiaéreo

antirreligioso

antissemita

aspeto ou aspecto

ato

assumpção ou assunção

autoaprendizagem

autoestrada

 

Batizar

boia

 

Cacto ou cato

cáliz

cão de guarda

caracteres ou carateres

caraté

ceptro ou cetro

coeducação

coleção

coletivo

concepção ou conceção

contrarregra

coobrigação

coocupante

corrupto ou corruto

crer (creem)

croché

 

Dar (deem)

descrer (descreem)

dicção ou dição

direção

diretor

 

Egito

elétrico

eletrossiderurgia

exato

excecional

excecionalmente

exceto

excetuar

extraescolar

 

Facto ou fato

fim de semana (fins de semana)

 

Guarda-noturno

guiché

 

Haver (sem hífen, quando a preposição de liga as formas monossilábicas do presente do indicativo: hei de, hás de, hão de)

heroico

hidroelétrico

 

Indemnizar ou indenizar

infrassom

introito

inverno

 

Jiboia

 

Ler (leem)

 

Mandachuva

matiné

microssistema

microrradiografia

 

Norte (minúsculas nos pontos cardiais)

 

Objeção

omnímodo ou onímodo

omnipotente ou onipotente

omnisciente ou onisciente

ótimo

outono

 

Paranoico

paraquedas

paraquedista

peremptório ou perentório

primavera

 

Recepção ou receção

rever (reveem)

 

Sector ou setor

semitom

súbdito ou súdito

sumptuoso ou suntuoso

sumptuosidade ou suntuosidade

 

Tresler (tresleem)

 

Ver (veem)

verão

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D